Loading Quotes...
Categorias
Pesquisar
02 ago 2016

 

O advogado não tem direito líquido e certo de retirar da repartição os autos do processo de contratação pública, seja relativo à licitação, seja em relação à contratação direta, mas sim o direito líquido e certo de examinar os autos do processo, podendo fazer todos os apontamentos que julgar necessários, bem como obter cópia de peças e documentos que desejar. Ou seja, ao advogado aos licitantes, seus representantes e cidadãos não pode ser negado o direito de vistas dos termos e atos do processo, não o direito de retirar os autos da repartição pública que processa a licitação.

Avalie >
VN:F [1.9.22_1171]
Avaliação: 0.0/5 (0 votos)

Siga Renato nas redes sociais:
A Zênite no Twitter A Zênite no Facebook A Zênite no Linkedin A Zênite no YouTube
ÚLTIMOS COMENTÁRIOS



 
 
 
 
 
Siga Renato nas redes sociais:
A Zênite no Twitter A Zênite no Facebook A Zênite no Linkedin A Zênite no YouTube